quinta-feira, 8 de março de 2012

jogo da verdade

por Luciana França

Hoje eu não quero ser bruxa nem rainha.
Também não quero revirar o baú de brinquedos.
Não estou a fim de ler nenhuma página de historinha.
Nem filme, nem mímica, nem pintura à dedo.
Não me chame pra ser monstro nem o fantasma.
Brincar de sério? Pode ser. Eu fico aqui com essa cara mesmo e ganho.
Fazer comidinha com espuma de shampoo, nem pensar!
Rolar na cama, dançar de Odalisca, está proibido.
Brincar de estátua é uma boa.
Veja só: está chovendo e com chuva não tem praia nem parque!
O cinema deve estar lotado e hoje eu não to pra fila.
Quebra-cabeça nem pensar, a minha já está toda embaralhada!
Senta aqui e vê se me entende um pouco.
Mãe que é mãe fala a verdade: é melhor do que ser mãe que brinca sem graça.

---


Luciana é a nossa primeira convidada e ainda sem saber que seria publicada no dia 08 de março, nos mandou este texto muito adequado para comemorarmos o dia da mulher, da mulher de verdade, sincera consigo mesma e com seus desejos.

Uma coisa boa que o mestrado me deu, além do título, foi Luciana. Dividimos textos, ideias, salas de aula e o orientador. Choramos nossas pitangas muitas vezes. Quando eu ia desistir, ela me animava e quando ela ia desistir eu a animava.

Devo a ela uma boa parte de ter conseguido escrever e defender uma dissertação. Devo também a ela uma parte de ter começado este blog. E minha relação com ela é a prova que as mulheres quando se juntam, quando solidarizam-se podem superar os maiores obstáculos. Aprendi muito com ela e espero que ela gire nesta roda de mãos dadas com vocês.




(*) Luciana França, nossa colunista, é Mãe de Nina, é Psicóloga e Mestra em Políticas Públicas. Escreve sobre maternidade e infância com uma pitada de poesia. Em 2009 suspendeu as atividades do blog ninaemmim.zip.net onde escrevia desde 2005.




9 comentários:

Ana Claudia disse...

Texto lindo...gostei muito!!!

bj

Celi disse...

Adorei o texto. Parabéns para a amizade! Que continuem assim... andando de mãos dadas.
E hoje, um brinde especial para todas nós!
Um grande beijo.

Priscila Nascimento disse...

Tudo lindo, inclusive o novo lay out.

bjos,

Priscila - http://maededudu.blogspot.com

Janaína Mascarenhas disse...

Autenticidade acima de tudo! Amei!!!! Concordo plenamente. Bjka

Ságna Ribeiro disse...

oi também sou bahiana, amei o seu blog.
estarei sempre por aqui.
Att,

Ságna

SANDRA disse...

Lindo!

Sarah disse...

Adorei, a colunista estreou com tudo! Ótimo texto.
bjos

Dani Garbellini disse...

Legal, Mari! Gostei da companheira.

Agora, Luciana, você pisou no meu pé! Eu muitas vezes então "não sou mãe de verdade", porque me forço sim a entrar na brincadeira em inúmeras situações, mas na maioria das vezes entro no clima e a impressão que tenho é que preciso disso para sair da inércia. Por outro lado, em dias assim muito, muito complicados, explico que não vai rolar. Difícil para mim é sempre saber se é dia de topar e sair da inércia ou de dizer não. Quando erro, viro "mãe de mentira".

Beijos!

Belle Mojás disse...

hahahahahah Lu, brocou no texto!Genial!